sábado, 28 de julho de 2012

Simbolismo maçon e Iluminatti nas Olimpíadas de Londres

Coincidências ou não, a abertura dos jogos olímpicos ontem e Londres, reforçou ainda mais a influência maçônica e Iluminatti no evento das Olimpiadas de 2012. 


Sabe-se que desde os jogos olímpicos de 1936, na Alemanha nazista de Hitler, que o simbolismo maçonico se tornou infundível e presente totalmente. Sabe-se também que Hitler foi um ditador que queria estabelecer uma Nova Ordem, através de ensinamentos antigos, ocultismo, ceitas baseadas em antigos textos que remetem a Atlântida e ainda exterminar todos os seres considerados "impuros" para que uma nova raça Ariana imperasse nesse novo mundo imaginado pelo ditador. Nessa mesma olimpiada, Hitler foi "revelado" ao mundo como ditador nas olimpíadas de 1936 em Berlim. 

A tocha olímpica 


olympics

O primeiro revezamento da tocha olímpica


A primeira retransmissão da tocha olímpica foi realizada na Olimpíada de Berlim em 1936, durante o regime nazista. Apesar do fato de que Hitler proibiu organizações maçônicas da Alemanha (que ele identificou como servos dos judeus), o seu regime foi, contudo, inspirado e profundamente rica em por sociedades secretas. Ele tinha um grande respeito pelo simbolismo e da constituição de sociedades secretas.

Nos ensinamentos esotéricos, o ato de "carregar a tocha" é um símbolo da consciência do homem de sua própria "centelha divina", e representa a sua aspiração de se tornar "um dos deuses." Isto é, em suma, a filosofia do núcleo de elite do mundo, que é fortemente influenciado pelos ensinamentos herméticos da Maçonaria, do Rosacrucianismo e Iluminismo. Por esta razão, a Tocha de Prometeus (Portador de luz, o Lúcifer: desde que Lúcifer caiu do céu para o reino terrestre - trazendo com ele "a luz da Iluminação" - ele é considerado em escolas de ocultismo o portador da luz, da Estrela da Manhã, da intelectualidade e da iluminação), é freqüentemente encontrado no simbolismo da elite oculta. 

A árvore  da vida Yggdrasil

segundo a mitologia Nórdica, a árvore Yggdrasil Localizada no centro do universo ligava os nove mundos da cosmologia nórdica, cujas raízes mais profundas estão situadas em Niflheim, uma mundo sombrio onde ficavam várias árvores assombradas e solo onde não se produzia nada, escuridão profunda com gigantes e terrivéis monstros. O tronco era Midgard, ou seja, o mundo material dos homens; a parte mais alta, que se dizia tocar o Sol e a Lua, chamava-se Asgard (a cidade dourada), a terra dos deuses, e Valhala, o local onde os guerreiros vikings eram recebidos após terem morrido, com honra, em batalha.

A árvore foi a grande surpresa da cerimônia da abertura onde viu-se, das suas raízes, nascerem os trabalhadores, construtores (maçons em francês) que prepararam o novo mundo da revolução industrial na Europa. 



A bola e o logotipo

Na bola de futebol oficial dos jogos, pode-se ver claramente uma piramide com o numero 2012 no centro. porém, muitos acreditam que essa alusão a 2012 é puro engodo, acreditam que as inicias escritas distorcidas que remetem ao ano de 2012, é o termo zion, “Sião” fazendo alusão a cidade judaica. Mensagem subliminar? Sim, visto que há inúmeros documentários discorrendo desse mesmo ponto de vista, que Londres oculta o logo sionista através das simbologias illuminati.

 


Outros símbolismos


US NEWS SCI-HIV-THERAPY 4 LA
                             Dentro do Estádio Olímpico. Pirâmide com capstones iluminados ... 
mascotshome_0
Mascotes com o um-olho...representando o "olho de Horús" ou olho-que-tudo-vê

Tire suas próprias conclusões!!

0 Comentários:

Postar um comentário

Não serão permitidos comentários de baixo calão ou palavras levianas que possam incomodar e atrapalhar um trabalho sério como a Ufologia e a Astronomia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...