segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

DESCOBERTA  DE NOVO PLANETA FORA DO SISTEMA SOLAR 



A sonda kleper acabou de descobrir um exoplaneta fora do sistema solar,com tamanho de 1,4 em relação à Terra. missão Kepler confirmou a descoberta do primeiro planeta rochoso, chamado Kepler-10b, com base em mais de oito meses de dados coletados pela sonda, que vai desde maio de 2009 a início de janeiro de 2010.Kepler é a primeira missão da NASA, capaz de detectar planetas como a Terra orbitando em ou perto da zona habitável de suas estrelas, que é a região onde a água líquida (e portanto vida) poderia existir. 
Artist\'s conception of exoplanet Kepler-10b, which is just 1.4 times the size of Earth. Credit: NASA.
Concepção artítstica do planeta Kleper 10-b, que tem um tamanho de 1,4 vezes em relação ao nosso.

No entanto, uma vez que orbita uma vez a cada 0,84 dias, Kepler-10b é mais do que 20 vezes mais próximo de sua estrela do que Mercúrio está do nosso Sol. Sendo que a sua superfície tem uma temperatura de 1500º C sendo impossível ter água.


Kepler-10 foi a primeira estrela identificada que poderia abrigar um planeta em trânsito de pequeno porte, colocando-o no topo da lista de observações terrestres com o Observatório WM Keck telescópio de 10 metros, no Havaí.

Cientistas à espera de um sinal para confirmar Kepler-10b como um planeta, não ficaram desapontados. Keck foi capaz de medir pequenas variações no espectro da estrela, o chamado efeito Doppler, causado pela atracção exercida pelos indicadores do planeta orbitando a estrela.

"A descoberta de Kepler-10b, um mundo de osso-fé rochosa, é um marco significativo na busca por planetas semelhantes ao nosso", disse Douglas Hudgins, cientista do programa Kepler na sede da NASA em Washington. "Embora este planeta não está na zona habitável, a emocionante encontrar apresenta os tipos de descobertas possível graças a missão ea promessa de muitos mais para vir", disse ele.

"Todas as melhores capacidades de Kepler convergiram para produzir a primeira evidência sólida de um planeta rochoso que orbita uma estrela que não o nosso sol". Natalie Batalha,  da equipe Kleper  vice-ciência do Ames Research Center da NASA, em Moffett Field, Califórnia, disse em uma declaração: "A equipe de Kepler assumiu um compromisso em 2010, sobre encontrar as assinaturas reveladores de pequenos planetas nos dados, e está começando a pagar a promessa."

Batalha é uma autora de artigos científicos importantes e seu artigo foi aceito pelo Astrophysical Journal

Créditos
NASA

0 Comentários:

Postar um comentário

Não serão permitidos comentários de baixo calão ou palavras levianas que possam incomodar e atrapalhar um trabalho sério como a Ufologia e a Astronomia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...