terça-feira, 4 de janeiro de 2011



A Cosmologia do Povo Sumério 



Os sumérios tambem foram visitados pelos deuses e assim inventaram ou repassaram adiante o que iria ser nossa primeira escrita.Uma escrita cuneiforme, assim como os Atlantes, mais tarde, fora descoberto que os maias e egípcios tinham quase o mesmo padrão de hieróglifos.


  • Bloco de tijolos cerâmicos
  • Sistema de numeração
  • Leis
  • Construção, arquitetura e urbanismo.
  • Fundação de cobre e estanho.

Os sumérios agruparam e juntaram os pontos criando assim as constelações do Zodiaco.
Registraram o movimento do sol no horizonte e chamaram de Equinócio o  ponto de referência. Começaram a contar o transcorrer do movimento da terra através do equinócio.
A abobada celeste foi dividida em 12 partes de 30º cada com as respecitivas constelações zodiacais.
Abóbada Celeste com os Equinócios e Solstícios.


Agora comparando com o calendário maia


A cada era, o sol nasce de frente a uma constelação diferente, estamos na era de Peixes e em 2012 , chegará a era de Aquário. Neste calendário, o ano do sistema solar dura 25920 anos terrestres.  A lenda Atlântida diz que, no final da era de Virgem, ocorreu o grande dilúvio, tão falado em varias civilizações e religiões do mundo. O Dilúvio de Noé, Deucalião (Grécia), Gilgamesh (Suméria), Enoque, Mapuchu, Manu (Índia) entre outros, conta a mesma história Atlante do cataclisma.
Assim como nas profecias maias, a passagem de uma nova era vem acompanhada de um grande cataclisma climático ou galáctico. No final da era de Virgem – 10928 a.C, ocorreu então o dilúvio Atlante. A era de Peixes, que vai do nascimento de Cristo até o ano de 2012, também marca a mudança cósmica.       

        

 Comparando com o ANO GALÁTICO que segundo os maias é de 25625 anos divididos em 5 eras, temos uma diferença de (25920 – 25625= 295), uma margem de erro muito pequena entre a contagem de diferentes civilizações. Uma precisão quase idêntica para os recursos limitados da época.        

    
O Sistema solar gira em torno de Alcione, nas Pleyades. O que foi comprovado anos mais tarde pelo astônomos Freidrich Mihelm  Bessel, Paul Ottohesse, José Comas  Solá  e Edmund Halley, depois de estudos e cálculos minunciosos, comprovaram a teoria.
Diferentemente dos maias, eles dividiram, não em 5 mas em 12 eras. Na nossa contagem de tempo, cada era tinha então 2160 anos, com 30º cada. Nosso sistema solar então faz um movimento angular ao redor de ALcyon(Alcione).



Alcione tem a sua volta um gigantessco anel ou disco de radiação, em posição transversal ao plano das órbitas (cinturão de fótons). Em breve falarei mais sobre o cinturão de fótons das pleyades.
Os sumérios chamaram de AN ( para os Acádios e Babilônios ANU) , de fato, anu significa "céu" em sumério. Dai vem nossos Annunakis, ou seres que vieram do céu.
Depois que os Sumérios foram visitados pelos Annunakis, e em seguida pelos seres Nagas (na concepção hindu) ou reptilianos( seres meio humano meio répteis), provenientes do planeta Nibiru. Eles teriam então uma grande passagem de sua mente primitiva. Viriam então o céu com outros olhos, mais racionais e mais tecnologicamente desenvolvidos.

Curiosamente a astronomia chama  a abóbada celeste  que coincide com o equador, se chama "Caminho de an".

A abóbada celeste gira em torno da Estrela Polar.
Assim encontraram os "doze" planetas, anos, milênios antes do homem encontrar Netuno (23 de Setembro de 1846) e o rebaixado Plutão.


o mais incrível é que os sumérios conheciam, assim como os maias, o momento da  Presseção dos equinócios quando o sistema solar dá uma volta completa ao redor de Alcyone, e o eixo polar se alinha com a estrela Polar na constelação de Ursa maior.
A então  Terra apresenta um ciclo de precessão de cerca de 25800 anos , ou seja o mesmo período equivalente á um ano Galático.
Ficheiro:Gyroscope precession.gif
Giroscópio mostrando a Presseção do Eixo Terrestre





0 Comentários:

Postar um comentário

Não serão permitidos comentários de baixo calão ou palavras levianas que possam incomodar e atrapalhar um trabalho sério como a Ufologia e a Astronomia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...