sábado, 21 de maio de 2011

Um pouco mais sobre Atlântida - um império Magnífico


DISCURSO DE PLATÃO

 No começo do tempo, os 3 filhos de Cronos, Zeus, Hades e Poseidon nasceram. Zeus ficou com os céus e a Terra, Hades ficou com o mundo submerso e Poseidon, ficou com os mares e a Ilha de Atlântida. (Ποσειδῶν) Lá Viviam as mortais EUANOS e LAUCITA, com sua filha, CLITOS. Posseidon se apaixonou por Clitos. Com ela teve 5 casais de Gêmeos, um deles chamados Atlas e Gadeiros.(Vulcões Gêmeos da Ilha).


Poseidon ficou com os mares e a Ilha de Atlantida.

Atlas se transformou no primeiro rei da ilha e pôs o nome do oceano que a rodeava de Atlântico. Atlas se casou com PLEIONE ( Πληιόνη) filha dos Titâs Oceano e Tétis, que viveram no monte KYLINI e tiveram 7 filhas chamadas de PLÊYADES ( as 7  ilhas menores da ilha)
 
  1. MAIA
  2. ELECTRA
  3. TAIGETE 
  4. ASTEROPE
  5. HÉROPE
  6. DRÍOPE
  7. ELENO
  8. ALCIONE    


DOCUMENTOS ATLANTES

Certa vez,as  irmãs foram perseguidas  por Órion o caçador gigante, filho de Posseidon com Euríale. Órion se apaixonou por ela, mas conta a lenda que as Plêiades preferiram afundar no mar criando assim a constelação de Touro. Órion foi chamado de TAMUS pelos Caudeus, e CHARRU, pelos egípcios que persegue lentamente as 7 irmãs Plêyades na abóbada celeste por toda a eternidade.

Existem antigos textos que so podem ser lidos de forma esotérica ( significados racionais como um dicionário). Alguns so podem ser acessado através do banco de dados cósmico com a energia akáshica, pois sua forma de comunicação é altamente mental e usa a conexão com o sexto sentido do corpo. Um sistema superior de conhecimentos oriundos do cosmos, ou seja, todo o conhecimento do mundo pode ser adquirido no banco de dados do universo. Ele é adquirido por qualquer um que for capaz de canalizá-los.


Foi esta forma de comunicação que os Atlantes usaram na antiguidade e deixaram pra nós. A pessoa da Teosófa Madame H.P. Blavatsky ,foi uma das que conseguiram juntar as peças,usando uma forma de comunicação esotérica, psicografando as transimissões astrais dos atlantes. Outros como Alan Kardec, que fundou o espiritismo, também enxergou essa forma de observar o outro mundo AKáshico.

Algumas das mais antigas escrituras foram as dos Vedas e o Mahabharata, Na Índia. Essas escrituras falaram de tais seres atlantes, suas naves, seus deuses e seu povo que por sua vez, visitou a Índia, uma de suas colônias.


MAHABHARATA, poema épico hindu, de mais de 74.000 versos
Essas escrituras dizem minunciosamente cada detalhe das passagens das eras. Os egípcios também conheciam as prescessões da terra e as eras geológicas. Contudo tem uma pequena grande diferença, a era de Aquário não é uma outra era, é a passagem da noite galática para o día, uma luz para a humanidade. 

Esotericamente , cada era astrológica eve seu Avatar, ou grande mensageiro, que trouxe uma nova filosofia de vida para a humanidade naquele momento.O avatar da ERA DE TOURO foi Krishna, o de ÁRIES foi Moisés ( ou Akhenaton, para os egípcios) e o de PEIXES foi Jesus de Nazaré. Todos tinham um grande poder capaz de modificar o ocaso do mundo. Poder este proveniente de um Deus superior.

Quando os gelos do Pólo caiu no mar, ocorrido então, na era de LEÃO, no ano de 10900 a.C - 11000 a.C. O Dilúvio que destruiu Atlantida!! Os livros hindus dizem que essa data era 10900 a.C coincidem com a data do começo do novo tempo chamado ZEPTEP. A revista naturals publicou que o último reverso dos pólos ocorreu à 12400 anos. Segundo os Egípcios e Sumérios a data é praticamente a mesma.

Os livros antigos dizem que o império INDUDHAMA( hindu) estava em conflito com sua civilização mãe ( Atlante ou Azmes ou Gemelius). A Guerra se deu pois os Atlantes deixaram a mente Akáshika para a mente materialista e racional.

Este livro também fala dos SHIDAS (homens perfeitos, asism como Shidartha Gautama , o Buda) e os Vimaharas, homens sábios que viajaram acima das núves "perto da lua".

Eles calcularam o tempo com essa exatidão milimétrica, equivalente à 3 bilionésimo de segundo, uma grande inovação para a época, isto indica que usaram equipamentos sofisticadíssimos,talvez derivados dos computadores-cristais de Atlantida.

  

Manuscritos Tibetanos

Segundo a Doutrina Secreta - que fundamenta a ciência teosófica (tradição tibetana-indiana) - a Atlântida se estendia da atual Groenlândia até a metade da América do Sul e, durante sua existência, suas terras foram habitadas por mais de uma raça humana, como os Lemurianos, que mediam mais de 3,5 metros de altura e deram origem aos Atlantes propriamente ditos.



Helena . P . Blavatksy

Os Atlantes, tal como os Lemurianos, foram aniquilados por uma catástrofe natural cujos reflexos, gradualmente, extinguiram territórios para fazer surgir novas terras. Foram tempos conturbados por terremotos, tempestades, tsunamis, furacões. Apanhados pela tragédia geofísica, os atlantes foram dispersados, em sua fuga, por diferentes regiões da Terra. América e Egito teriam sido colonizados por refugiados atlantes.

John A. West demonstrou que a erosão sofrida pela Esfinge de Gizé não se devia ao vento do deserto, mas sim à chuva. Essa descoberta faz recuar a datação da Esfinge para ao menos 9 mil e 500 anos de antigüidade, ao invés de 4 mil, como se acreditava. Uma obra de tal magnitude foi construída com conhecimentos arquitetônicos, astronômicos e matemáticos de uma cultura muito anterior à Egípcia. Algo semelhante poderia se dizer da arquitetura de Tihuanaco, construída, supostamente, pelos Toltecas, na América do Sul.

O ariosofista (estudioso de filosofia ariana) Jörg Lanz Von Liebenfels (1874-1854), que exerceu significativa influência sobre a idologia primitiva do Nacional Socialismo alemão, comparou a antropogênesis da teósofa H.P. Blavatsky com as descobertas da paleontologia contemporânea e concluiu que havia encontrado a "fonte de todo o mal" no mundo.

Lienbenfels entendeu que "queda do homem no pecado" se referia à conduta dos primeiros Lemurianos ANDRÓGINOS que, durante o processo biológico de separação dos sexos em machos e fêmeas, engendraram seres monstruosos com outras espécies animais, que não possuíam inteligência. Esses descendentes monstruosos eram demônios e no alvorecer da quarta Raça, a Atlante, havia duas subespécies humanas: PURAS e BESTIAIS - os primeiros antropóides e os "monos" (símios) antropomorfos. O erro (pecado) fatal dos "Homens-Deuses" foi a miscigenação com os símios.

A paranormal Ingrid Bennet, da Nova Zelândia, fala da vida sexual dos Atlantes: as relações sexuais eram muito importantes. Acreditava-se que era uma prática fundamental para a boa saúde. Alguns tinham relações com animais e com híbridos, meio humanos, meio animais, como os centauros.

A perversão dos costumes na fase da decadência dos Atlantes não se limitou à prática do bestialismo, mas também da magia. Há cerca de 10 mil anos, os dirigentes de Atlântida perderam o interesse no progresso científico e o respeito pelo antigo conhecimento. Passaram a dedicar às práticas da "magia negra" e perverteram completamente as ciências e a religião.

Depois de várias guerras e conflitos com hindus, e o compartilhamento de conhecimento com os persas, maias, egípcios e sumérios mais tarde, os Atlantes iriam sucumbir com a ira dos deuses, e veria sua magnífica ilha afundar diante de deus olhos.

0 Comentários:

Postar um comentário

Não serão permitidos comentários de baixo calão ou palavras levianas que possam incomodar e atrapalhar um trabalho sério como a Ufologia e a Astronomia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...